Novos ingredientes incrementam o cardápio do Veg e Lev

Redação Comer Bem em Curitiba/ março 5, 2018/ Mapa de restaurantes, Novidades/ 4 comments

O menu vegano e leve do restaurante Veg e Lev do Pátio Batel ficou ainda mais incrementado. Tudo porque o cliente agora pode escolher a proteína que acompanha as cumbucas e saladas do cardápio.

A base é padrão, porém, é possível adicionar, sem custo, tiras de frango (LEV), cogumelo paris (VEG) ou fatias de lombo com ervas (LEV). Quem desejar, também pode optar pelo Pastrami (LEV) – uma carne bovina temperada e curada – por um custo extra de R$7 por bowl. Ainda este ano, os proprietários do restaurante anunciam novas opções de proteínas veganas para complementar os pratos.

São cinco tipos de cumbucas disponíveis totalmente veganas (R$26 cada). Hadouken – com grãos de aveia cozidos, cenoura, pepino japonês, brócolis, cogumelo paris, moyashi, manga e feijão-amendoim. Mariachi – chilli de proteína de soja e feijão-amendoim, fatias de pão crocante, pimentões, queijo branco, tomate-cereja e mix de alfaces. Are Baba – cevadinha em grãos e grão de bico, cogumelos paris com masala, cenoura, repolho-roxo, tomate-cereja, abóbora cabotiá grelhada, uvas passas e molho de manga. Olímpia – grãos de aveia e cevadinha cozidos, tomate-cereja, berinjela e abobrinha grelhadas, azeitona preta em fatias, amendoim torrado, manjericão fresco e salsinha e a Khalifa – aveia em grãos e lentilha, cebola caramelizadas, fatias de pão, homus, babaganush, rúcula e hortelã.

Nas saladas (R$23 cada), as opções são Jasmine, Lotus, Suprema, Fênix e Esparta. Todas feitas com ingredientes frescos, mix de folhas, vegetais, molho leve e saudável.

Além das proteínas, o Veg e Lev também dá a opção, com custo extra, de adicionar mais hortaliças, pães, croutons, gergelim e amendoim (R$2,50). Babaganoush, homus, pasta de amendoim com cream cheese (R$4). Molhos diversos (R$2). Ovos de codorna, relish de pepino, azeitona, queijo coalho, moyashi e queijo branco (R$4,50). Além de mais uma porção de proteína (R$6).

Are Baba. Foto: divulgação.

Sobre o Veg e Lev – Três sócios e um sonho: ter um restaurante de comida saudável, no qual adeptos de todas as filosofias e estilos alimentares fossem bem-vindos. Nasceu em 2015 o Veg e Lev, localizado em uma charmosa casa na Prudente de Moraes. O cardápio do restaurante é dividido da seguinte forma: pratos VEG (veganos) e pratos LEV (com baixa caloria, porém, com proteína animal). Nos destaques: moqueca de pupunha, nhoque de banana-da-terra, Veg Brasil (um prato tipicamente brasileiro com arroz, feijão, couve, farofa e um bife de grãos, que pode ser substituído por um grelhado). Além das sobremesas bolo vegano trufado, banoffee vegana sem açúcar e cheesecake. No final de 2017, o restaurante ganhou uma nova unidade no Pátio Batel, voltada para as cumbucas saudáveis e pratos mais rápidos. Sem perder a essência do local. Em 2018, completando três anos, será inaugurada mais uma casa no Shopping Curitiba, que faz parte do plano de expansão da marca de abrir 16 Veg e Lev nos próximos três anos nas principais capitais do país.

Serviço

Veg e Lev

Prudente de Moraes

Funcionamento: segunda a sexta, das 11h30 às 14h30 / sábado, 12h às 15h;

Endereço: Rua Prudente de Moraes, 1228 – Centro.

Pátio Batel

Funcionamento: segunda a sábado, das 10h às 22h / domingo, das 11h às 22h;

Endereço: Av. Do Batel, 1868 (Praça de Alimentação) – Batel

/vegelev

/vegelev

Leia também no Comer Bem em Curitiba

4 Comments

  1. Pingback: The Cakery apresenta suas novidades para a Páscoa

  2. Pingback: Maniacs Brewing Co. patrocina 10º CWBurguer Fest e participa do evento com duas criações exclusivas

  3. Pingback: Alleluia é a nova opção de italiano no Mercado Sal

  4. Pingback: Evento Conozca une fotografia e gastronomia da América Latina em Curitiba

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>
*
*